Secretaria de Meio Ambiente presta contas na ACIANF

 Na manhã da última quarta-feira, 03, a Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Nova Friburgo, ACIANF, recebeu a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano Sustentável, para informações sobre os avanços da pasta e também prestação de contas.

Na reunião, que contou com a presença de associados da ACIANF, principalmente, dos ramos de construção e têxteis, além de representantes de outros segmentos, foi realizado um balanço da atual gestão, que tem Andrea Duque Estrada à frente da pasta desde o início do ano. O objetivo principal, segunda a secretária, foi de estreitar as relações: “Nossa estada aqui para essa reunião, seria no sentido de nos aproximarmos um pouco mais dos segmentos constitutivos, têxtil e demais órgãos de interesse, para que pudéssemos ouvir as críticas, sugestões que possam ser implantadas na secretaria. O objetivo é estreitar os laços, pois ninguém faz nada sozinho. Quando o secretário fica somente dentro da secretaria e não ouve o que a população, o que os interessados desejam daquele órgão, caminhamos muito só. Estreitando esses laços, conseguimos tomar atitudes mais assertivas.” Garantiu.

Andrea falou também sobre os desafios que vem enfrentando e as ações que implantou para reduzir o tempo de espera para liberação de processos, que em alguns casos demoravam anos, e agora podem ser resolvidos em questão de meses: “Desde que entramos, vimos uma secretaria com processos tumultuados, na qual demorava muito para aprovar projetos, e nosso foco principal é minimizar o tempo de análise dos processos. Hoje, conseguimos acelerar em até 2 meses, a análise de processos que nas gestões passadas chegavam até 3 anos.”

Além disso, ainda foram abordados projetos recém criados, que aproximam a população e os jovens do desenvolvimento sustentável, contribuindo para o fortalecimento econômico e ecológico de Nova Friburgo. “A tarefa do secretário é muito desafiadora, pois temos o construtivo e ao mesmo tempo que proteger a natureza. No mês do meio ambiente, realizamos várias ações e conseguimos tirar do papel o projeto Arborizar, no qual conseguimos plantar, de acordo com a técnica, 66 mudas de árvores em frente à UPA. Já realizamos a primeira e já estamos caminhando para a segunda fase. Outra coisa que conseguimos realizar foi o projeto Ambiente Jovem. Contratamos equipe, e os 50 jovens já estão cadastrados para as aulas que estão começando hoje. Estarão 1 vez na semana, durante 1 ano, absorvendo conteúdos sobre educação ambiental. Preparar a juventude para que eles possam cuidar de nossa cidade no futuro, também é um objetivo que temos alcançado nessa gestão.”

Para a ACIANF, isso contribui muito para o fortalecimento econômico e ecológico da cidade: “Isso é muito importante, pois une o poder público, a iniciativa privada, o empresariado ligado à construção civil, imobiliários, onde as questões ambientais estão muito presentes. A ACIANF é uma casa do povo, uma casa que tem no seu eixo o comércio, a indústria e a agricultura. A cidade precisa respirar esse ar de unidade. Não estamos aqui para questionar, estamos aqui para fazer defesas de interesses, que achamos que é um só: Nova Friburgo. Se caminharmos juntos, em reuniões como essa, podemos combater entraves que possam ocorrer.” Conclui Roosevelt Concy, diretor executivo da entidade.